poema à carolina

A Carolina é uma menina que tem umas asas enormes
voa por sítios misteriosos e desconhecidos.
A Carolina também tem uns olhos grandes e brilhantes
consegue ver tudo o que encontra pelo mundo
uma pedra aqui, uma flor ali, e um pássaro acolá.
A Carolina tem guelras como os peixes,
por isso mergulha destemidamente em águas doces e profundas
investiga o fundo do mar, à procura da beleza
cada concha, cada peixe, cada estrela são seus irmãos
As mãos da Carolina desenham
o que existe e o que não existe
a realidade e a ficção
o mundo de fora e o mundo de dentro.
Cada traço, cada letra, cada palavra, cada frase, cada figura
são feitas com uma poética exactidão
para poderem ser partilhados plenamente com os outros.
Ainda não vos falei do melhor,
a gargalhada da carolina
que nos envolve numa alegria constante e absoluta.
Apetece estar com ela,
cada dia, cada hora, cada minuto, cada segundo passados com ela
são tempos grandiosos e puros.
É assim a Carolina, a minha filha.

Advertisements

4 thoughts on “poema à carolina

  1. Nossa, vc não imagina a surpresa, minha filha Carolina faz 15 anos no dia 15 demarço, e ao procurar algo para lhe falar, encontro seu poema. Me emocionei.
    Parabéns Carolina e pai da Carol
    Boa sorte

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s