Paulinho da Viola

Uma certa tristeza invade a música de Paulinho da viola e com um fundo popular e alegre. Algo que contrasta. Grande poeta “não sou eu que me navega/ quem me navega é o mar/ é ele que me carrega como me fosse levar”

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s