Andar de bicicleta no Porto

Hoje resolvi dar uma volta diferente, peguei na minha bicicleta fui até à estação de Aveiro e apanhei o comboio para São Bento. Na minha mochila, além do cadeado, câmara de ar, remendos para os furos, levei também o meu livro. A viagem de comboio faz-se muito bem com um livro na mão, também podemos, em alternativa, observar as pessoas. Eu fiz as duas coisas. Em São Bento desci a rua Mouzinho da Silveira e fui direito à foz e depois Matosinhos – visto que o meu destino era conhecer a loja “Velo Culture” no mercado municipal de Matosinhos. Digo-vos que a viagem até Matosinhos faz-se muito bem, melhor do que de carro, além das ciclovias, a estrada naquela hora fazia-se bem sem grandes confusões. Atravessei ainda a ponte para Leça. Sobre a loja “Velo Culture” esperava encontrar mais coisas, no entanto, estes dois sócios estão a começar este negócio e já nos facultam bicicletas que não existem em muitas outras lojas, marcas caras mas também as acessíveis (o caso da pasteleira da órbita). Muitos outros artigos de bicicleta, chapéus, capacetes, cadeados, livros e as bicicletas fixed que foi a principal razão da minha deslocação. A simpatia de Miguel Barbot que tem o blogue um pé no Porto e outro no pedal (blogue que teve na origem da loja). A vinda foi feita pelo mesmo percurso, visto que tinha que estar em casa à hora de almoço e queria ainda passar pela Douro Bike (outra loja de bicicletas no Porto) mas que infelizmente estava fechada.

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s